sábado, 12 de setembro de 2015

Gutted Souls: músicos comentam sobre processo de timbragem



O carioca GUTTED SOULS está de volta a São Paulo, mais precisamente no estúdio do produtor e baterista do Korzus Rodrigo Oliveira, para finalizar mais uma parte do processo de gravação de seu vindouro álbum.

Agora o foco total é no processo de timbragem das cordas, e ninguém melhor que os próprios músicos para comentar o que estão buscando:

“Timbres pesados e limpos, pois queríamos que as guitarras soassem os riffs com mais definição. Acho que isso define. Com uma cara só nossa, pois ouvimos muitas coisas legais e não queremos que as cordas soassem como algo que já foi feito por alguma banda.” – Wellington Ferrari.

“Eu estou buscando um timbre pesado e limpo, com muita clareza nos solos.” – Leandro Xsa

“Um timbre de baixo que soe orgânico, com definição e peso necessários pra compor os riffs com clareza e ao mesmo tempo dar sustentação à música.” – Marcos Medeiros

O GUTTED SOULS segue ao lado de Rodrigo Oliveira que além de produzir o disco, também está encarregado de registrar as linhas de bateria do vindouro ‘Oligarchy and the Illusion of Freedom’.



Sites relacionados:


Fonte: Metal Media