sexta-feira, 17 de abril de 2015

O rock tem que ter Letra e atitude





Em entrevista ao Radiobeat, Paulo Ricardo explica o desabafo no primeiro episódio do programa Superstar, quando disse que não estávamos vivendo um bom momento para o Rock: "O rock não pode se dar ao luxo de falar uma bobagem qualquer. Para ouvir uma bobagem qualquer existem gêneros mais populares que vão de encontro as pessoas mais populares, que gostam de ouvir aquilo e que cresceram ouvindo aquilo. O rock é um gênero importado, não podemos esquecer. O rock nacional tem que competir com o rock lá de fora, aí é muito difícil. Tem que competir com o alto padrão da história do rock nacional como Rita, Raul, grandes letras dos anos 80. Aí você fala uma bobagem e a pessoa que gosta de rock e tem um senso crítico vai falar: 'não tô acreditando!' Pra você ter o impacto, a força do rock, não basta uma guitarra, uma roupinha rock n roll, você tem que ter conteúdo. Isso não é fácil!", explicou.
Leia a matéria completa no link abaixo:
http://radiobeat.globoradio.globo.com/noticia/2015/04/16/PAU...